sábado, 1 de novembro de 2008

"fechando círculos" e "um meio ou uma desculpa"

Realmente, deixar coisas p tráz exige um esforcinho... somos frágeis, sensíveis, materialistas, egoístas... nos apegamos a vida inteira a coisas q poderiam ser descartadas... coisas, palavras, pessoas q nos feriram, enfim, nos prendemos ao passado por medo de q? do novo, desconhecido? do fracasso? ou de nós mesmos? Não podemos evoluir sem despreendimento... nosso futuro e nossa mudança depende exclusivamente de nós mesmos, não podemos nos permitir ser estáticos, ou ficar remoendo coisas q não tem mais volta...
Aproveitando, acrescentei um novo texto abaixo desse "fechando círculos"... p quem já leu vale a pena reler e ver o novo texto


"Fechando Círculos"


É preciso saber sempre quando se acaba uma etapa da vida. Se insistirmos em permanecer nela, depois do tempo necessário, perderemos a alegria e o sentido do resto.
Fechando círculos, fechando portas ou fechando capítulos, como queiras chamar, o importante é poder fechá-los, deixar ir momentos da vida que se vão enclausurando.
Terminou seu trabalho? Acabou a relação? Já não mora mais nessa casa? Deve viajar? A amizade acabou? Você pode passar muito tempo do seu presente dando voltas ao passado, tentando modificá-lo... O desgaste será infinito, porque na vida, você, seus amigos, filhos, irmãos, todos estamos destinados a fechar capítulos, virar páginas, terminar etapas ou momentos da vida, e seguir adiante.
Não podemos estar no presente sentindo falta do passado. O que aconteceu, aconteceu. Não podemos ser filhos para sempre, nem adolescentes eternos, nem empregados de empresas inexistentes, nem ter vínculos com quem não quer estar vinculado a nós.
Os acontecimentos passam e temos que deixá-los ir! Por isso, às vezes é tão importante esquecer de lembrar, trocar de casa, rasgar papéis, jogar fora presentes desbotados, dar ou vender livros...
As mudanças externas podem simbolizar processos interiores de superação.
Deixar ir, soltar, desprender-se...
Na vida ninguém joga com cartas marcadas, e tem que aprender a perder e a ganhar. O passado passou: não espere que o devolvam. Também não espere reconhecimento, ou que saibam quem você é. A vida segue para frente, nunca para trás. Se você anda pela vida deixando portas abertas nunca poderá desprender-se, nem viver o hoje com satisfação.
Namoros ou amizades que não se fecham, possibilidades de regresso a quê? Necessidade de esclarecimentos, palavras que não foram ditas, silêncios... Se você pode enfrentá-los agora, que o faça! Não por orgulho ou soberba, mas porque você já não se encaixa ali, naquele lugar, naquele coração, naquela casa, naquele escritório, naquele cargo... Você já não é o(a) mesmo(a) que foi há dois dias, há três meses, há um ano... portanto, nada tem que voltar.
Feche a porta, vire a página, feche o círculo! Você nunca será o mesmo, nem o mundo à sua volta, porque a vida não é estática. É saúde mental, amor, por você mesmo, desprender-se do que já não está em sua vida. Lembre-se de que nada, nem ninguém, é indispensável. É um trabalho pessoal aprender a viver com o que dói, deixar-se ir. É processo de aprender a desprender-se.
E isso ajudará definitivamente a seguir para frente com tranqüilidade.
Essa é a vida!
“Só uma coisa não há. É o esquecimento”



“Cometi o pior dos pecados/ que um homem pode cometer. Não fui feliz.”


Jorge Luís Borges

════════«»════════

Mais um texto q não podemos deixar de ler e refletir

'Um Meio ou uma Desculpa'
Não conheço ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos pelo menos uma centena de vezes.
Da mesma forma, se você quiser construir uma relação amiga com seus filhos, terá que se dedicar a isso, superar o cansaço, arrumar tempo para ficar com eles, deixar de lado o orgulho e o comodismo.
Se quiser um casamento gratificante, terá que investir tempo, energia e sentimentos nesse objetivo.
O sucesso é construído à noite! Durante o dia você faz o que todos fazem.
Mas, para obter um resultado diferente da maioria, você tem que ser especial. Se fizer igual a todo mundo, obterá os mesmos resultados.
Não se compare à maioria, pois, infelizmente ela não é modelo de sucesso.
Se você quiser atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros estão tomando chope com batatas fritas.
Terá de planejar, enquanto os outros permanecem à frente da televisão.
Terá de trabalhar enquanto os outros tomam sol à beira da piscina.
A realização de um sonho depende de dedicação, há muita gente que espera que o sonho se realize por mágica, mas toda mágica é ilusão, e a ilusão não tira ninguém de onde esta, em verdade a ilusão é combustível dos perdedores pois:
Quem quer fazer alguma coisa, encontra um 'MEIO'.

Quem não quer fazer nada, encontra uma 'DESCULPA'.
Roberto Shinyashiki

   ....... Beijoss! .......     

21 comentários:

*Lua* disse...

Bom, espero não ser considerada uma desocupada :D Só queria dizer que gosteimuito de seu blog e que concordo com o quer você diz no post. Eu errei muito por não ter percebido a tempo quando um círculo se fechou...
Beijos.

Báah disse...

aaah, e eu que preciso aprender a esquecer!

e esse texto é bom, nunca tinha lido!


- beeijos e boa semana!

Nathália disse...

A gente tem que aprender a conviver com tantas coisas...
Até cansa... Rsrs

Beijo!

Robson disse...

Texto muito bom, mas visceral hein?! chegou a dar pontadas hahaha
Obrigadão pela visita e comentário.

D.Ramírez disse...

:)

Cara de 30 disse...

Nossa, que texto! Um verdadeiro e potente soco no estômago dos acomodados! :)

MADE IN LIBERDADE disse...

nossa, a gente é muito parecida! tbm sou palmeirense, adoro a Hello Kitty, amo estudar, sou tímida, responsável, detesto falsidade, LOVE meu cachorro (Lucky, amoorr), obsee: eu olhando seus blinkies, disfaça...
Vc escreve muito bem, viu? acho que a vida tem vários capítulos, e mesmo que seja triste encerrar um, é legal começar outro...

MADE IN LIBERDADE disse...

com certeza! adoro fazer amigos!!! tá linkada
Beijos!

Anônimo disse...

Muito bom texto, querida Cacá.
A gente termina de ler e fica pensando sobre a vida...hahaha

Sumi mesmo, né? Me desculpe, tá bem? Às vezes o mundo real fica muito agitado mesmo, mas eu volto.

Um beijo e boa semana

leila | REIS disse...

Olá... obrigada pela sua visita e generoso comentário. Gostei de voltar aqui e ver quanta afinidade podemos ter através do que pensamos e enxergamos da vida, sejam com nossas palavras ou mesmo das de outras pessoas que pensam e sentem semelhante e que as vezes tem uma facilidade muito maior que a nossa de dizer como nos sentimos, do que seríamos capazes, formando esta sintonia de idéias e sentir como uma poderosa alavanca de mudança e compreensão da vida.
Cacá, Parabéns pelo seu cantinho,!!!

Vou te incluir na minha lista e colocar teu selo em meu blog.

beijo

Dama de Cinzas disse...

Adorei o texto sobre fechar círculos, é exatamente o que estou fazendo na minha vida!

Obrigada pela visita!

Beijocas

Gessica Santiago disse...

"Deixar ir, soltar, desprender-se..."
Demorou um certo tempo, mas consegui aprender o que é isso ...


Já tinha lido o último texto ...
e concordo , principalmente nas duas últimas frases ...



Beijos, tenha uma ótima terça-feira!

Lulu on the Sky® disse...

Cacá muito bacana esse texto. A vida é feita de circulos e ciclos. Vamos aprendendo e evoluindo sabendo encerra-los e começando novas etapas.
Big Beijos

Tina disse...

Oi Caca!

Texto verdade,com certeza. Realizar sonhos é coisa sem preço: alegria pura. Falo por experiência...

beijos e obrigada pela visita lá no Blue Moon, volte mais vezes.

Ane disse...

Oi Cacá!É isso aí,temos que fechar o ciclo e ir em frente,o passado só serve pra aprender com ele.Um beijo!

•]•·´º´·» ANE «·´º´·•[•

Flavia Melissa disse...

Oi, Cacá!
Que bacana receber visitinha sua no meu blog, adorei seu cantinho e voltarei mais vezes. Vou te linkar lá no meu cafôfo...
E que surpresa maravilhosa entrar aqui e ler justamente algo que tem tanto a ver com a minha fase de vida atual, a de reconhecer o encerramento de fases e etapas!
Obrigada!
Um beijo :)

elisabete cunha disse...

CacÁ

saudade de vc!!

beijim!

Paradoxos disse...

este lugar é Nóbel em profundidade!! ha que ler e reler para absorver tudo o que nele está!

obrigado pela criação

teu beijo - em ti

Eduardo

lela disse...

Visite e ganhe uma nova amiga ;)
Bjus... ótima sexta =D

Desarranjo Sintético disse...

Obrigado pela visita lá no blog.
Gostei dos textos.
Concordo com eles. Acho que nada cai nas mãos de graça, temos que nos esforçar pelos nossos sonhos.
Acho que tudo na vida é um ciclo, é preciso abrir portas e fechar outras. Voltar ao início, recomeçar. Mas para isso temos que aprender a fechar os ciclos, porque não há nada pior que coisas inacabadas, mal resolvidas.
É difícil, porque temos medo do novo, nos apegamos ao passado, e isso não nos deixa evoluir.
A imagem da lua é linda.

Abraços.
Fábio.

Pitty que Pariu disse...

Gostei muito do texto sobre fechar círculos. Creio tê-lo ouvido da Maria Mariana, ou de seu pai Domingo Oliveira. O fato é que as coisas têm mesmo começo e fim. O durante é confortável, mas o começo e o fim são bem difíceis para o ser humano.

Bacana os textos!